sexta-feira, 9 de junho de 2017

A FOLHA E O VENTO








VOU TE CARREGAR
EM MEUS BRAÇOS
FEITO PEDAÇOS
DE UMA ESTRELA
QUE CAIU
VOU FALAR PAR
O VENTO
QUE LAMENTO
SOBRE A FOLHA
QUE SUMIU
VOU LHE DAR OS MEUS
SONHOS
PARA QUE SONHE
ELES TAMBÉM
E VEJA MUITO ALÉM
DO QUE JÁ VIU
VOU LHE DAR
A NOITE DE LUAR
ATÉ O AMANHECER
VOU QUERER
VOCÊ EM MEUS BRAÇOS
FEITO PEDAÇOS
DE UMA ESTRELA
QUE PARTIU
QUE SUMIU
DENTRO DE SUA
CADENCIA
NA CLEMENCIA
DO ANJO
QUE A LEVOU
POIS PARA MIM FICOU
O BRILHO
QUE JÁ NÃO BRILHA

MAS... BRILHOU.